Canadá anuncia novo Programa de Imigração para Investidores

O Governo Canadense apresentou nesta última terça-feira, dia 16 de Dezembro, um novo meio para obter a Residência Permanente. O único detalhe é que os potenciais imigrantes terão que investir $2 milhões e possuir uma riqueza real de, pelo menos, 10 milhões de dólares.

O Ministério de Imigração do país sinalizou os novos parâmetros do, agora chamado, Immigrant Investor Venture Capital Pilot Program (IIVC), o qual substituirá o já desaparecido sistema de imigrações para investidores.

O Governo Federal começará a receber as solicitações a partir do final de Janeiro de 2015. Desta forma, os interessados à investir no país, e comprovando os requisitos, receberão a residência em uns seis meses.

“Necessitamos de um sistema que se adapte às necessidades da economia canadense”, disse o Ministro Chris Alexander. “O que víamos até agora, era que o dinheiro trazido  pelas pessoas não era investido de maneira geral”, completou.

Requisitos

O novo sistema exigirá aos candidatos um investimento de $2 milhões por um período de 15 anos. Este dinheiro será destinado à um fundo especial que Ottawa utilizará para desenvolver projetos e empresas jovens, startups com potencial de rápido crescimento.

Além disso, a pessoa terá de demonstrar que possui uma riqueza real superior à 10 milhões de dólares. Isto será verificado por meio de órgãos aprovados pelo Governo Canadense, os quais determinarão a origem da riqueza e que a mesma foi conseguida de maneira legal.

O Ministério esclareceu que somente as pessoas que sejam pré-selecionadas serão convidadas a obter este certificado.

O Canadá receberá um máximo de 500 solicitações durante um “período específico”, o qual ainda não foi detalhado. Deste lote serão selecionados, de maneira aleatória, 50, que será o limite durante este período “piloto” do programa.

As pessoas que sejam selecionadas terão suas solicitações processadas em um período de 6 meses, os quais que já seriam residentes permanentes. Os que não obtiveram suas aplicações selecionadas, terão suas solicitações devolvidas.

Outros Requisitos

O Governo Canadense também anunciou uma série de requisitos que serão exigidos das pessoas que queiram ir ao país como investidores.

Primeiro, terão de demonstrar conhecimento em, pelo menos, um dos idiomas oficiais do Canadá (Inglês e Francês).

Também terão que contar com um diploma de nível superior, assim seja de uma instituição canadense ou de alguma instituição no exterior, mas que tenha uma equivalência.

Há alguns meses, o Ministro de Imigração, Chris Alexander, havia sinalizado a necessidade de fortalecer o programa de investidores, o qual, aos olhos do Governo Federal, não estava ajudando a economia, além de dar a residência à pessoas que não tinham o interesse em permanecer por um grande período no país.

A mudança esperada

O novo programa Piloto havia sido preparado há meses por Ottawa, especialmente para anunciar a eliminação do antigo programa de investidores, o qual exigia somente $800 mil dólares e sem mais responsabilidades.

Canadá mostrou que este dinheiro não estava colaborando para o desenvolvimento da economia do país, além de estar sobrecarregado. O momento da sua eliminação contava com mais de 65 mil solicitações em estoque. Muitos dos afetados, em sua maioria empresários de origem chinesa, iniciaram processos legais contra o Ministério de Imigração por uma medida que qualificaram como “arbitrária”.

Leia mais sobre o novo Programa aqui: http://bit.ly/1wFias8

 

Fonte: http://noticiasmontreal.com/141982/inmigracion-canada-requisitos-programa-inversionistas-venture-capital-2015/

Comentários Facebook
The following two tabs change content below.

Deborah Calazans

Deborah Calazans, Graduada e Pós-graduada em Jornalismo, é membro da equipe da Immi Canada desde 2013 e atualmente atua como a Gerente Geral dos escritórios da Empresa no Brasil, sendo responsável por todo acompanhamento nos processos dos Vistos de Residência Temporária.