O ministro da imigração canadense, Ahmed Hussen, anunciou um novo programa de imigração. O projeto partiu da cidade de Ottawa, capital do país, localizada na província de Ontario e sede do governo. Segundo Hussen, o piloto vem para preencher a escassez de mão de obra e alimentar o crescimento econômico em pequenas comunidades rurais, sendo destinado aos imigrantes que pretendem se estabelecer fora dos grandes centros urbanos do Canadá.

A princípio o processo será piloto e durará cinco anos, com o nome de Rural and Northern Immigration Pilot. Ele requer que as comunidades mais distantes enviem um plano detalhado ao governo federal, identificando oportunidades de trabalho disponíveis e também desenvolvendo uma estrutura de apoio social para ajudar os recém-chegados a se estabelecerem em terras canadenses.

“Trinta por cento do Produto Interno Bruto (PIB) do país vem das áreas rurais. Estas comunidades estão experimentando uma migração de seus habitantes para cidades maiores, principalmente os mais jovens. O que gera uma dificuldade enorme de preencher vagas de emprego, sendo que 78% de todos os imigrantes que chegam ao nosso território se instalam em grandes centros urbanos”, declarou o ministro. Ele também acredita que este é um passo importante para que as cidades rurais e regiões mais afastadas possam expandir suas economias e aumentar a população através da imigração.

*No ano passado a província de Ontario lançou um projeto piloto semelhante, com o intuito de povoar a região afastada dos grandes centros. Confira mais informações clicando aqui.

A iniciativa baseia-se no sucesso do Atlantic Immigration Pilot Program (AIP), lançado em 2017 para ajudar a impulsionar o crescimento nas regiões das províncias do Atlântico, atraindo mão de obra a New Brunswick, Nova Scotia, Prince Edward Island e Newfoundland and Labrador. Desde a sua criação, 1.562 imigrantes, incluindo 734 aplicantes principais, foram comtemplados com a residência permanente para viver em um dos quatro territórios.

O ministro também afirmou que o recém-criado programa adota as mesmas abordagens do AIP, onde os empregadores locais, governos provinciais e setores de serviço devem trabalhar juntos para conectar os novos moradores com oportunidades de trabalho, através de redes e orientação, além de ajuda-los a entender os sistemas de educação, habitação, transporte e saúde.

“Não se trata somente de atrair os imigrantes para a comunidade, mas fazer com que eles permaneçam”, ressaltou Hussen. As regiões distantes e cidades rurais do país têm lutado, ainda mais que os centros urbanos, contra o envelhecimento da população e o consequente declínio de pessoas em idade produtiva. Entre 2001 e 2016 a força de trabalho encolheu 23% nas regiões, enquanto a população em idade para se aposentar cresceu 40%. “É por isso que queremos atrair mais imigrantes para estas comunidades menores. Eles devem se sentir bem-vindos, para que possam trabalhar e morar no local. O foco deste piloto não é apenas obter as pessoas com as habilidades certas”, finalizou o ministro da imigração.

programa de imigracao

O programa

Clicando neste link o interessado pode obter mais informações a respeito do Rural and Northern Immigration Pilot. Porém agora (março de 2019), a página está aberta somente para as comunidades que desejam enviar o plano para receber os futuros imigrantes. No entanto o Immigration, Refugees and Citizienship Canada deixa claro que ainda este ano serão disponibilizadas as informações para os candidatos que tem o intuito aplicar.

São dezenas de maneiras diferentes de imigrar para o Canadá. O novo processo anunciado de imigração vem somar a mais de 50 programas diferentes de morar em terras canadenses. Uma delas pode ser para você! A melhor forma de descobrir é a consulta de imigração oferecida pela Immi Canada, onde traçamos seu perfil e da sua família, para verificar se você já está apto a se candidatar. Caso não esteja, nós lhe mostramos o caminho, além de auxiliar e dar assessoria em todo o procedimento para vistos, residências e processos provinciais. Acesse www.immi-canada.com/consulta/ ou mande um email para contact@immi-canada.com e saiba mais informações.

Fabíola Cottet

Comentários Facebook
The following two tabs change content below.