Fazer uma pós-graduação no Canadá não faz somente com que você eleve seu nível educacional e tenha no currículo um diferencial de aperfeiçoamento em um dos melhores países do mundo, com os melhores programas educacionais, mas também abre portas para uma futura imigração, contando pontos a mais para o principal programa de imigração econômica federal, o Express Entry. Além disso, estudar em uma das províncias faz com que o mercado de trabalho o veja com outros olhos na busca de emprego e permite diversas oportunidades de imigração por processos provinciais e outras formas de obter a sonhada Permanent Resident (PR).

As instituições de ensino canadenses são reconhecidas mundialmente e apresentam cursos ótimos tanto na parte teórica, para quem pretende seguir uma carreira voltada à pesquisa ou ao mundo acadêmico, quanto na prática, mais direcionada ao mercado de trabalho. Antes de explicar como a pós-graduação pode ajudar na imigração, é necessário entender alguns conceitos e diferenças entre as nomenclaturas. Primeiramente, no Canadá assim como no Brasil, a pós é oferecida aos alunos que já possuem um diploma de bacharelado. Existem os certificados, que são especializações de curta duração e os diplomas, concedidos para quem opta por um programa de médio ou longo período.

*Se você pretende cursar uma pós-graduação no Canadá ou aplicar para um programa de imigração e precisa reconhecer seu diploma de bacharelado, clique aqui e saiba mais informações.

Colleges

Se a instituição escolhida for um college, provavelmente a opção do candidato é um curso de menor tempo e voltado ao mercado de trabalho. Eles também possuem alguns programas de média e longa duração, porém o foco é prático, resultando em diplomas e certificados para que profissionais atuem em áreas específicas. Os professores costumam ter uma vasta experiência profissional na área em que lecionam, além de um bom conhecimento do mercado.

Geralmente, nos colleges, os programas de estudo possuem duração de seis meses a dois anos, com opções de carga horária part-time ou full-time. Lembrando que na imensa maioria dos casos, se a intenção do aplicante for a futura imigração, a escolha deve ser pela opção de período integral. O ensino em meio período não conta pontos para alunos internacionais que aplicam para programas de imigração e também não dá direito a diversos benefícios como o Post Graduation Work Permit (PGWP).

pos graduacao no canada

Universidades

A university, na tradução para o inglês, costuma oferecer programas mais longos como bacharelados, mestrados e doutorados. O foco das instituições é mais voltado à pesquisa, teoria e ao caminho acadêmico, ao contrário dos colleges. Uma grande diferença com relação ao Brasil é que, no Canadá, na grande maioria dos casos o aluno é que monta sua própria grade de estudos e faz sua carga horária. São estas instituições que oferecem os programas de mestrado e doutorado e algumas também possuem cursos com menor duração, que oferecem um certificado de uma matéria específica.

*Saiba mais informações sobre os programas de mestrado e doutorado, incluindo bolsas de estudo, clicando neste link.

As universidades canadenses estão no ranking de melhores do mundo para estudar, sendo conhecidas como instituições de prestígio ao redor do globo. As aulas, tanto para os colleges como para as universidades, costumam iniciar em janeiro ou setembro, alguns ainda possuem a opção do começo no mês de maio.

*Caso você ainda esteja em dúvida em qual universidade e curso escolher e como fazer a sua matrícula, incluindo a solicitação de vistos, a nossa parceira no ramo educacional pode te ajudar. Contate a 3RA Intercâmbio clicando aqui.

pos-graduacao no canada

Critérios de elegibilidade

Para um estudante internacional ser aceito em um college ou university canadense, ele precisa cumprir alguns pré-requisitos que são exigidos pelas instituições. Elencamos abaixo os mais comuns, que são pedidos por praticamente todos os cursos da lista de Designated Learning Insitutions (DLI) (aceitas pelo governo canadense na hora de imigrar). Dependendo da pós-graduação, as exigências podem variar. Portanto é indicado o contato, primeiramente, com a universidade ou college em questão. Confira:

  • Possuir diploma de bacharelado, ou seja, pelo menos uma graduação concluída no Brasil ou outro país;
  • Histórico da universidade cursada, contendo as notas obtidas pelo aluno e aprovação em todas as disciplinas;
  • Nível de inglês (ou francês) compatível com o curso que deseja fazer, sendo comprovado por meio dos exames Celpip, TOEFL (algumas universidades aceitam o resultado deste teste para inscrição no curso, mas ele não é aceito para imigração), IELTS ou TEF, este último no caso do francês;
  • Algumas instituições podem exigir um pré-teste e alguns outros documentos, que podem variar dependendo da escola escolhida e curso.

Vistos e imigração

Após a escolha da instituição e qual pós-graduação no Canadá, é momento de aplicar para os vistos. O aplicante principal, que opta por um curso em período integral, por mais de seis meses, em uma das DLI, deve solicitar o visto de estudo que dá direito a permissão de trabalho de até 20h semanais, part-time, durante o ano letivo e 40h por semana (trabalho full-time) no período de férias.

pos-graduacao no canada

Para ter este visto, além de ser aceito no college ou universidade, o estudante precisa demonstrar ao governo canadense que terá fundos suficientes para arcar com o estudo e sustento durante o período em que estiver no país (clique aqui para mais informações), apresentar histórico criminal de onde vive, completar a etapa dos exames médicos e, por fim, convencer o oficial de imigração que não deseja permanecer ilegalmente no país após o término do programa estudantil.

Caso a aplicação seja para família, o cônjuge do aplicante principal que vai estudar tem o direito de receber o Open Work Permit (OWP), que é a permissão de trabalho aberta em tempo integral e full-time, que geralmente tem validade pelo mesmo tempo do visto de estudos. É importante ressaltar que este OWP não é automático, é necessário realizar a aplicação.

Como já falamos por aqui, imigrar não é um processo simples e barato. Leva tempo, persistência, planejamento e requer uma reserva financeira (veja mais a respeito disso clicando aqui e também neste link). Porém, fazer uma pós-graduação no Canadá é um ganho que, além de enriquecer o currículo, pode ajudar muito no processo de obtenção de residência permanente.

Além do Express Entry (EE) dar pontos  extras para quem conclui um curso no país, as possibilidades de imigração de quem vai estudar nas terras do True North aumentam muito. O cônjuge do estudante pode conseguir um emprego e aplicar para o programa Canadian Experience Class, por exemplo, depois de um ano de trabalho.

 

 

*Este ano o governo canadense divulgou um número expressivo: estudantes são um terço dos imigrantes do país. Confira o artigo que escrevemos com mais detalhes clicando aqui.

Além disso, muitas das DLI dão a possibilidade de aplicação, após a conclusão dos estudos, ao Post Graduation Work Permit (PGWP), que é uma extensão de visto para poder trabalhar no Canadá que, dependendo de algumas condições, pode ser também aplicada ao cônjuge do aplicante principal. Ainda existem os processos provinciais. Todos eles estabelecem algum benefício ou fluxo de imigração para quem conluiu um programa de estudos na região.

pos graduacao no canada

Por fim, várias são as portas de entrada para a tão sonhada residência permanente canadense. Nós, da Immi Canada, possuímos uma equipe de profissionais especialistas em imigração que podem dizer qual é a melhor maneira da sua família atingir os objetivos com base no perfil de cada um, traçando o caminho e também prestando assessoria em todo o processo. Acesse www.immi-canada.com/consultoria-de-imigracao-para-canada/ ou entre em contato pelo email [email protected].

Fabíola Cottet

Comentários Facebook
The following two tabs change content below.

Fabiola Cottet