Esta última quarta-feira (01) foi difícil para o Governo Liberal. O primeiro ministro Justin Trudeau teve que enfrentar as críticas por decidir romper com a sua promessa de reforma eleitoral.

Tudo começou pela carta do Governo Federal que se fez pública e que foi dirigida à nova ministra de Instituições Democráticas, Karina Gould. Outra das cartas dirigidas aos novos membros do seu gabinete envolve o Ministro da Imigração, Ahmed Hussen, e as políticas que deveria aplicar nos próximos meses.

“Como Ministro da Imigração, o seu objetivo global seguirá sendo acolher àqueles que queiram contribuir no êxito do nosso país”, disse o documento. “Os Canadenses são abertos, tolerantes e generosos, qualidades que deveriam refletir as políticas de imigração do Canadá e nosso foco para receber aqueles que buscam refúgio dos conflitos e guerras”, finalizou.

O que está por vir

Dos pontos mais importantes que ressaltam o mandato que terá que cumprir o novo ministro Hussen, é “seguir trabalhando com o Ministério da Justiça e o Ministério da Segurança Pública para a preparação da Lei C-6, a qual irá repelir as disposições da Lei da Cidadania que dão ao governo o direito de revogar a cidadania aos que possuem dupla cidadania”.

Entre outro dos pontos, o destaque é o trabalho nas políticas do Visto, incluindo os Vistos de Trânsito, para “promover o crescimento econômico”.

Entre os mandatos que terá que cumprir, será trabalhar também as reformas do sistema de trabalhadores temporários, para desenvolver vias mais simples para a chegada à residência Permanente.

Quanto aos tema dos refugiados, as obrigações dadas por Trudeau ao seu novo Ministro inclui trabalhar a integração dos 39.000 refugiados sírios que chegaram ao país entre Dezembro de 2015 e Janeiro de 2017. Isto incluirá trabalhar na transição ao emprego e ter ciência das diferenças de cada província e território.

O Ministro Hussen terá também o trabalho de reduzir o tempo de espera no processamento das solicitações vinculadas a todos os programas de imigração, assim como “melhorar a eficiência do sistema, incluindo o sistema de asilo”.

 

Fonte: http://nmnoticias.ca/179949/carta-mandato-ministro-inmigracion-canada-ahmed-hussen-ciudadania/

Texto: Tradução e Adaptação – Deborah Calazans (Immi Canada) – (A cópia e a reprodução deste conteúdo, sem prévia autorização, está proibida)

Comentários Facebook