Trabalhadores de British Columbia pedem aumento no salário mínimo

Líderes sindicais de Bristish Columbia estão solicitando um aumento imediato do salário mínimo (por hora) para  CAD$13, bem acima do atual de CAD$10,25.

shutterstock_149651651

Aumentar o salário mínimo é uma das várias questões que os líderes trabalhistas planejam apresentar em reuniões com o Premier Christy Clark e com a Ministra do Trabalho Shirley Bond, como dito nesta última terça-feira pelo Presidente da Federeção de Trabalho de BC Jim Sinclair.

A delegação, que inclui representantes de trabalhadores sindicalizados privados e do setor público, estava prevista para se reunir ontem, quarta-feira (05) .

A intenção é pressionar o governo a melhorar o sistema de aprendizagem e fomentar o desenvolvimento. Também está na pauta da reunião também encourajar o governo federal a realizar alterações no programa de trabalhadores temporários estrangeiros, disse Sinclair.

Salário mínimo atual de BC foi aumentado para CAD$10,25 dólares (Por hora trabalhada) em Maio de 2012 , após um congelamento de uma década, mas Sinclair disse que não é o suficiente para pagar as contas mensais.

Ele disse que os sindicatos querem que o governo aumente o salário para CAD$ 13 por hora imediatamente, já que o custo de vida também aumenta com o passar do tempo.

Shirley Bond, Ministra do Trabalho, disse que o aumento do salário mínimo não era uma de suas principais prioridades e passou pouca esperança para os dirigentes sindicais.

“Eu fiz um compromisso de monitorar a questão do salário mínimo”, disse a Ministra . “O salário mínimo não era elevado há dez anos, até Maio de 2012 e o Premier Christy Clark fez isso. Nós aumentamos três vezes. Vamos continuar a acompanhar, mas certamente não estou fazendo um compromisso, hoje, para aumentar o salário mínimo “.

Um salário mínimo de CAD$13 por hora seria o maior do Canadá. Ontário está programando para aumentar a sua salário mínimo para CAD$ 11/hora em Junho deste ano.

Sinclair disse que os sindicatos também vão pedir à Clark para pressionar Ottawa à ajustar o Programa de Trabalhadores Temporários Estrangeiros atual e parar de usar os trabalhadores estrangeiros para preencher as vagas “Entry-Level”, e com isso dificultando a entrada dos Bristish Columbians entrarem no mercado de trabalho.

Sinclair disse que milhares de trabalhadores estrangeiros temporários estão sendo contratados para trabalhar em lojas de fast-food e outras empresas e em detrimento disso, os jovens de Bristish Columbia ou imigrantes que procuram emprego , encontram dificuldades.

 

Os programas de trabalhadores temporários estrangeiros foi originalmente usado para atrair trabalhadores qualificados por curto período de tempo, mas agora os trabalhadores estrangeiros estão ocupando as vagas de baixa qualificação (Primeiro-Emprego) e muitas vezes a levando a remuneração para níveis baixos, disse Sinclair.

Fonte: http://globalnews.ca/news/1186697/b-c-labour-calls-for-13-minimum-wage/

Comentários Facebook
The following two tabs change content below.

Deborah Calazans

Deborah Calazans, Graduada e Pós-graduada em Jornalismo, é membro da equipe da Immi Canada desde 2013 e atualmente atua como a Gerente Geral dos escritórios da Empresa no Brasil, sendo responsável por todo acompanhamento nos processos dos Vistos de Residência Temporária.