O Immigration, Refugees and Citizienship Canada (IRCC) divulgou recentemente a quantidade de pessoas que foram ao Canadá para estudar em 2018 e, mais uma vez, o território bateu um recorde. No dia 31 de dezembro de 2018 haviam 572.415 estudantes internacionais no país. O número representa um crescimento de 16% em relação a 2017.

Nos 12 meses de 2017, a quantidade de moradores cuja o objetivo era o estudo no território aumentou 20%, se comparado ao ano de 2016. A presidente da Canadian Bureau for International Education (CBIE), Larissa Bezo, declarou que “os novos dados do IRCC demonstram claramente a atração contínua das terras canadenses como destino de estudo e aperfeiçoamento. A pesquisa revelou que os alunos escolhem o Canadá pela qualidade do sistema educacional e nossa reputação como um país seguro e tolerante”. A profissional ainda ressaltou que estas qualidades são extremamente importantes no momento, visto a realidade de outros países, tanto nos âmbitos sociais, econômicos, como políticos.

O estudo também mostrou que 96% dos alunos que passam pelos estudos nas terras do True North recomendariam o país aos familiares e amigos. Outro dado interessante do relatório é que houve uma mudança no principal país de origem dos alunos. Em uma constante curva de crescimento a Índia superou a China como local que mais envia estudantes ao território canadense. Em 2018 foram 172.625 indianos estudando em universidades e colleges, representando um aumento de 40% em relação a 2017. A China ficou em segundo lugar, com 142.985 mil alunos chineses que escolheram o Canadá, aumentando apenas 2%. Esses dois países dominam o ranking, visto que o terceiro lugar cresceu 5% comparado ao ano anterior, a Coreia do Sul, porém a número de pessoas é de 24.195.

Os números são de estudantes que possuíam visto e permissão para o curso, ou seja, programas com duração de mais de seis meses. A quantidade absoluta de estudantes internacionais cursando um pós-secundário, em 2018, saltou 17% quando comparado a 2017: cerca de 435,5 mil alunos no ano passado, contra 370,9 do período anterior.

estudantes internacionais

Falando em números de crescimento, um dos mais impressionantes é que desde o ano 2000 até 2018 o salto de estudantes internacionais foi de 467%. O governo canadense ainda declarou que quer ir além e investir ainda mais em divulgação em outros países e também melhorando, cada vez mais, a qualidade da educação.

O relatório não mostra somente as pessoas que foram estudar no país, mas também o quanto os estudantes injetaram na economia: em 2016, foram 15,5 bilhões, gerando mais de 170 mil empregos, o que representou um impacto maior que a exportação de peças de carros, aeronaves e madeira.

O Brasil ficou em sétimo lugar, atrás da Índia, China, Coreia do Sul, França, Vietnã e Estados Unidos, somando quase 12 mil alunos em 2018.

*Para saber mais sobre como estudar no país com a melhor qualidade de vida do mundo acesse o artigo completo que fizemos com dúvidas frequentes neste link e também clicando aqui.

Imigrar pelos estudos

Fazer uma pós-graduação no Canadá não faz somente com que você eleve seu nível educacional e tenha no currículo um diferencial de aperfeiçoamento em um dos melhores países do mundo, mas também abre portas para uma futura imigração, contando pontos a mais para o principal programa de imigração econômica federal, o Express Entry. Além disso, estudar em uma das províncias faz com que o mercado de trabalho o veja com outros olhos na busca de emprego e permite diversas oportunidades de imigração por processos provinciais e outras formas de obter a sonhada Permanent Resident (PR).

As instituições de ensino canadenses são reconhecidas mundialmente e apresentam cursos ótimos tanto na parte teórica, para quem pretende seguir uma carreira voltada à pesquisa ou ao mundo acadêmico, quanto na prática, mais direcionada ao mercado de trabalho.

estudantes internacionais

Para um estudante internacional ser aceito em um college ou university canadense, ele precisa cumprir alguns pré-requisitos que são exigidos pelas instituições. Elencamos abaixo os mais comuns, que são pedidos por praticamente todos os cursos da lista de Designated Learning Insitutions (DLI) (aceitas pelo governo canadense na hora de imigrar). Dependendo da pós-graduação, as exigências podem variar. Portanto é indicado o contato, primeiramente, com a universidade ou college em questão.


Vistos e imigração

Após a escolha da instituição e qual pós-graduação no Canadá, é momento de aplicar para os vistos. O aplicante principal, que opta por um curso em período integral, por mais de seis meses, em uma das DLI, deve solicitar o visto de estudo que dá direito a permissão de trabalho de até 20h semanais, part-time, durante o ano letivo e 40h por semana (trabalho full-time) no período de férias.

Para ter este visto, além de ser aceito no college ou universidade, o estudante precisa demonstrar ao governo canadense que terá fundos suficientes para arcar com o estudo e sustento durante o período em que estiver no país (clique aqui para mais informações), apresentar histórico criminal de onde vive, completar a etapa dos exames médicos e, por fim, convencer o oficial de imigração que não deseja permanecer ilegalmente no país após o término do programa estudantil.

estudantes internacionais

Caso a aplicação seja para família, o cônjuge do aplicante principal que vai estudar tem o direito de receber o Open Work Permit (OWP), que é a permissão de trabalho aberta em tempo integral e full-time, que geralmente tem validade pelo mesmo tempo do visto de estudos. É importante ressaltar que este OWP não é automático, é necessário realizar a aplicação.

Como já falamos por aqui, imigrar não é um processo simples e barato. Leva tempo, persistência, planejamento e requer uma reserva financeira (veja mais a respeito disso clicando aqui e também neste link). Porém, fazer uma pós-graduação no Canadá é um ganho que, além de enriquecer o currículo, pode ajudar muito no processo de obtenção de residência permanente. A nossa parceira na área de estudos, 3RA Intercâmbio, pode ajudar com toda a parte de educação e solicitação de vistos. Após isso, realizamos o processo de imigração. Entre em contato conosco pelos e-mails info@3ra.ca ou contact@immi-canada.com.

Fontes: https://cbie.ca/another-record-year-for-canadian-international-education/;

https://open.canada.ca/data/en/dataset/90115b00-f9b8-49e8-afa3-b4cff8facaee.

Fabíola Cottet

Quando pensamos em Brasil, sabemos que o valor do salário mínimo é nacional e, em 2021, ele está em R$ 1.100,00 por mês. Também é praticamente acordado por toda a população e verídico que o recebimento de um salário dificilmente vai cobrir todas as despesas de uma pessoa, quem dirá um casal ou família com filhos. Embora este valor seja estabelecido pelo governo federal, alguns estados brasileiros seguem uma tabela própria que pode variar de acordo com a profissão. O salário mínimo no Canadá é completamente o oposto.

As leis são um pouco diferentes para o salário mínimo no Canadá. Pra começar, o valor do salário mínimo não é calculado por mês e sim por hora. É importante deixar claro que não somente o pagamento mínimo é calculado por hora, mas todos os salários dos trabalhadores canadenses e a média de ganhos geralmente é anual. Além disso, a quantia ganha é diferenciada em cada província e a localidade que estabelece quanto vai custar cada hora.

Salário Mínimo no Canadá

salario minimo no Canada

Abaixo preparamos uma lista das províncias e cada salario mínimo, acrescentando também quanto ele irá aumentar e quando. Ressaltando que, segundo a lei federal, todos os trabalhadores regulamentados no Canadá não podem receber pagamentos menores que o mínimo (o que pode variar em algumas províncias, de acordo com a profissão).

Desde outubro deste ano, o pagamento mínimo na província está fixado em $15 CAD por hora.

O valor mínimo por hora, está em $15,20 CAD.

Na província o mínimo que  trabalhador recebe por hora é $11,95 CAD. A região realizou o reajuste em outubro deste ano.

O salário mínimo em vigor é de $12,75 por hora, ou seja, aumentou $0,25 CAD em outubro deste ano.

A hora hoje está fixada em $11,75 CAD.

Com um pagamento mais alto, a província tem um mínimo por hora de $16,00 CAD e o aumento é feito anualmente em abril de cada ano.

O menor valor por hora que um trabalhador pode receber na província é de $15,20, atualmente. Este salario entrou em vigor em 1 de outubro de 2021 e a localidade não possui uma lei em vigor que estabelece um aumento anual.

Em todo 1o de abril de cada ano o salário mínimo em Nova Scotia passa por um reajuste de acordo com o Índice de Preços do Consumidor. Atualmente ele é de $12,95 por hora.

O pagamento por hora de Ontário está fixado em $14,35, com a confirmação desde outubro deste ano. Porém, devido ao alto custo de vida na província.

Para a região, o pagamento mínimo é de $13,00 CAD por 60 minutos.

O salario mínimo da região é de $13,50 a hora.

O mínimo em vigor é de $11,81 por 60 minutos, com o reajusto realizado desde de outubro deste ano. O valor é reajustado anualmente.

A província tem seu salario mínimo ajustado em todos os meses de abril de cada ano, de acordo com o Índice de Preços do Consumidor. Hoje ele está em $15,20 por hora.

O Canadá possui a maioria das suas leis fixadas e regulamentadas pelas províncias, com o governo federal apenas traçando alguns parâmetros básicos e diretrizes. Com o salário mínimo e custo de vida não é diferente. É importante lembrar que cada localidade possui preços de itens básicos bem diferentes, que podem impactar bastante no orçamento de cada um.

Além dos dados e valores citados acima, eles podem variar de acordo com a profissão. Em algumas províncias, por exemplo, o mínimo de quem trabalha ganhando gorjetas (como garçons, assistentes de garçons, bartender, taxista, cabeleireiro e pessoas que servem bebidas alcóolicas no geral) pode ser menor que o mínimo estabelecido.

Salário mínimo no Canadá e média salarial por província

Levando em consideração que a maioria dos canadenses ganham mais que o salário mínimo estipulado por hora, trazemos abaixo a média anual ganha em cada província, por família. De acordo com o Retail Council of Canada e com o Statistics Canada, os dados mais atualizados são de 2019 e foram levados em consideração na pesquisa famílias de casais com ou sem filhos e também de pais e/ou mães solteiros.

Tendo em vista os valores de salários e custos de vida, o aplicante já pode decidir, com base em seu orçamento e estilo de vida, qual é a melhor província para morar no Canadá e trazer a família. Lembrando sempre que é importante estar atualizado com as informações e ter o auxílio de um profissional de imigração no processo, que pode traçar um perfil baseado em cada candidato e suas expectativas. A Immi Canada fornece este e outro serviços, para saber mais acesse https://www.immi-canada.com ou mande um e-mail para contact@immi-canada.com.

Fontes:
https://www.retailcouncil.org/quickfacts/minimum-wage
https://work.alberta.ca/employment-standards/minimum-wage.html
http://www2.gov.bc.ca/gov/content/employment-business/employment-standards-advice/employment-standards/factsheets/minimum-wage
http://www.gov.mb.ca/labour/standards/doc,minimum-wage,factsheet.html
http://www.aesl.gov.nl.ca/minimumwage/minimum_wage_consultation.pdf
http://www2.gnb.ca/content/dam/gnb/Departments/petl-epft/PDF/es/FactSheets/MinimumWageOvertime.pdf
http://nu-lsco.ca/faq-s
https://www.ece.gov.nt.ca/en/services/employment-standards/frequently-asked-questions
https://www.labour.gov.on.ca/english/es/pubs/guide/minwage.php
https://www.princeedwardisland.ca/en/news/minimum-wage-rises-1125-hour
http://www.cnt.gouv.qc.ca/en/wages-pay-and-work/wages
https://www.saskatchewan.ca/business/employment-standards/wages-and-pay/minimum-wage-and-minimum-call-out-pay
http://www.community.gov.yk.ca/es.html

O Canadá alcançou a liderança no ranking A classificação dos melhores países para 2021, em qualidade de vida pelo sexto ano consecutivo pelo Grupo BAV, uma unidade da VMLY&R, e pela Wharton School da Universidade da Pensilvânia.

O estudo que coloca o gigante do norte em primeiro foi publicado pela USNews, que realizou a pesquisa com mais de 20.000 cidadãos mundiais em quatro regiões para avaliar percepções em 73 países e 75 métricas diferentes. A subclassificação de Qualidade de vida analisa os resultados de acordo com nove atributos que os países devem ter:

  1. acessibilidade econômica,
  2. bom mercado de trabalho,
  3. economia estável,
  4. economia familiar,
  5. igualdade de renda,
  6. estabilidade política,
  7. segurança,
  8. bom sistema de educação pública, e
  9. sistema de saúde pública bem desenvolvido.

O Canadá ficou em primeiro lugar pela sexta vez seguida em qualidade de vida

Os pesquisados classificaram o país em primeiro lugar na categoria de qualidade de vida por estar no topo de todos os atributos descritos, especialmente por ser politicamente estável, ter bons sistemas de saúde pública e educação, além de um bom mercado de trabalho. Esta percepção tem sido consolidada ao longo dos anos por uma série de outras investigações.

O relatório também mostra que além das ideias essenciais sobre qualidade de vida já mencionadas, esta área pode incluir intangíveis como segurança no emprego, estabilidade política, liberdade individual e qualidade ambiental, que são características do Canadá.

Depois do Canadá, um total de cinco países europeus estão classificados no top 10 geral: Alemanha, Suíça, Inglaterra, Suécia e Países Baixos. Os Estados Unidos ocupam a 6ª posição geral. Apesar de estar em primeiro lugar em poder econômico, o país do norte ficou em 45º lugar em oportunidades de trabalho.

 Ranking geral dos melhores países para 2021

  1. Canadá
  2. Japão 
  3.  Alemanha 
  4. Suíça 
  5. Austrália
  6. Estados Unidos 
  7. Nova Zelândia
  8. Inglaterra
  9. Suécia
  10. Países Baixos

Fontes: narcity.com; usnews.com

A Immi Canada te auxilia em todo o processo de imigração. Mande agora um e-mail para contact@immi-canada.com  e saiba mais como funcionam os nossos serviços no site: https://www.immi-canada.com/consultoria-de-imigracao-para-canada/

Foi anunciado pelo governo do Canadá, no começo do mês de outubro de 2020, novos planos para tornar o país ainda mais sustentável e ecologicamente correto.

Dentro dos planos anunciados estão, a extinção do uso de sacolas plásticas em todo país, e um grande investimento para a produção de mais veículos elétricos no país.

Zero resíduos de plásticos em 10 anos

O Ministro do Meio Ambiente e Mudanças Climáticas, Jonathan Wilkinson, anunciou as próximas etapas do plano estabelecido pelo governo para atingir zero resíduos de plásticos até 2030.

Esse plano visa a proteção da vida marinha selvagem, assim como a redução da emissão de gases causadores do efeito estufa. Com essa medida, o governo também visa a criação de novos empregos ajudando no fortalecimento econômico do país.

Todos os anos, os canadenses jogam fora em torno de 3 milhões de toneladas de lixo plástico. Apenas 9% dos quais são reciclados, o que significa que a grande maioria dos plásticos vai para aterros sanitários e cerca de 29 mil toneladas vão parar em ambiente natural.

Itens plásticos banidos

Entre os itens que serão banidos do país estão:


Sacolas plásticas

Canudos

Palitos para mexer

Anéis de plástico para acoplar latas

Talheres

Utensílios para alimentos feitos de plásticos que são difíceis de reciclar

O plano também prevê a recuperação e a reciclagem de materiais plásticos, para gerar lucro para economia e evitar a poluição do ambiente. Para que o plano seja possível, o governo irá investir em novas técnicas de reciclagem, assim como em infraestrutura e tecnologia. Com isso, o governo investirá em novos empregos, apostando nas oportunidades de crescimento econômico.

O governo do Canadá está trabalhando em conjunto com as províncias e territórios, juntamente com o Conselho Canadense de Ministros do Meio Ambiente.

O ministro do Meio Ambiente e Mudanças Climáticas também anunciou um investimento de 2 milhões de dólares para iniciativas que visam a redução do uso de plástico no país.

Mais Carros elétricos no Canadá

O governador de Ontario, Doug Ford, em videoconferência com o primeiro ministro, Justin Trudeau, anunciou o investimento de 1.8 bilhão de dólares, para fabricação de carros elétricos com zero emissão de poluentes. Também faz parte do projeto a produção de mais postos de recarga do automóvel.

Esse projeto será em parceria com a montadora Ford Motor Company em Oakville, e o governo de Ontario. Será o maior investimento na indústria automotiva nos últimos 15 anos.

"Ao fazer este investimento na Ford Canadá, estamos garantindo que nossa província continue a liderar a América do Norte e o mundo na fabricação e inovação automotiva, ao mesmo tempo em que aumentamos nossa competitividade neste setor chave", disse o governador de Ontário.

Você sabia que em 2018 a cidade de Oakville foi eleita a melhor cidade para imigrantes? Confira aqui!

O objetivo é alcançar o número de zero carros com emissão de gases poluentes, até o ano de 2050, transferindo toda a frota existente para o uso de veículos elétricos.

Esse investimento, também, visa favorecer pequenas empresas que fabricam peças importantes para a utilização da bateria do veículo. Além disso, segundo a fala do primeiro ministro, esse investimento garantirá a geração de 5.000 empregos em toda a indústria automotiva no país.

“O mercado de veículos elétricos crescerá no futuro e o Canadá tem o talento para ser um líder global na fabricação de baterias para veículos elétricos, para eletrificação e tecnologias limpas”, analisa Trudeau.

Para ler o anúncio oficial do governo, acesse o site aqui!

Newfoundland and Labrador é a província que está situada mais a leste do Canadá. Ela fica na região atlântica do país e é formada pela ilha de Newfoundland e pela região de Labrador, no continente. Essa província abriga cerca de 520 mil habitantes e quase toda a população - aproximadamente 92% - está concentrada na ilha de Terra Nova. A maior cidade de Newfoundland and Labrador é, também, a sua capital, St. John’s. 

A região faz divisa apenas com a província de Quebec (saiba mais sobre Quebec aqui) e, em relação à língua, é a província canadense mais homogênea de todo o Canadá: mais de 97% da população tem o inglês como língua materna.

*Quer morar no Canadá? A Immi pode te ajudar com todo o processo! Entre em contato pelo email contact@immi-canada.com e acesse https://www.immi-canada.com/consulta/.

Newfoundland and Labrador foi a última província a ser conquistada pelo Canadá. Em 1949, a população da província teve que decidir, através de um referendo, entre: continuar sendo uma colônia  britânica, tornar-se uma nação independente ou ser anexada ao território canadense. Outra curiosidade é que até 2001 a província era chamada apenas de Newfoundland. o nome “Labrador” foi adicionado após uma emenda à Constituição do Canadá. 

newfoundland e labrador

Clima

Devido às características geográficas da província, o clima é bastante variável. A ilha de Newfoundland tem o verão mais frio, bastante influenciado pelo mar, já que nenhuma parte da ilha fica localizada a mais de 100 km do oceano. Durante o inverno, na capital St. John’s é comum neve e chuva se alternarem. Além disso, clima marítimo traz muitas chuvas, muita umidade e ventos muito fortes. 

*Saiba mais sobre as quatro estações do ano clicando aqui.

Atrações

Sem dúvida, uma enorme atração da região é a possibilidade de visualizar enormes icebergs. A melhor época para ver este fenômeno é entre o fim do mês de maio e o início de junho, na costa de Newfoundland. Já entre março e julho eles estão distribuídos ao longo da costa de Labrador. Alguns deles podem ter mais de 10 mil anos e há um rigoroso programa de monitoramento desses icebergs.

Também há diversas atrações ao ar livre nas enormes áreas verdes e são excelentes opções para quem gosta de esportes de aventura. O Mealy Mountains é um parque nacional da região e abriga muitos animais selvagens, além de uma praia que já foi navegada por vikings há mais de mil anos!

Além disso, a província abriga três dos 800 lugares do mundo selecionados pela Unesco como sendo de grande importância cultural e natural: o Gros Morne National Park, o L’Anse aux Meadows National Historic Site e a Red Bay National Historic Site. 

newfoundland and labrador
newfoundland and labrador

A capital da província também tem excelentes opções culturais e abriga artistas de todo o mundo. Além disso, na região portuária, há um famoso santuário de pássaros e é possível avistar várias espécies de baleias. 

Artes

Em relação às artes, a comunidade artística da província é reconhecida nacional e internacionalmente. Em 2013 e 2015, a Newfoundland and Labrador foi representada na Bienal de Veneza. A criação da Fogo Island Arts em 2008 na Fogo Island criou um programa de arte contemporânea baseado em residência para artistas, cineastas, escritores, músicos, curadores, designers e pensadores. 

Confira a lista que preparamos com as principais atrações da região:

Educação

Em Newfoundland and Labrador, o Department of Education and Early Childhood Development é responsável pelo aprendizado e desenvolvimento da primeira infância, pelo sistema escolar, pelas bibliotecas públicas, pelos centros regulamentados de assistência à infância, recursos familiares e pela pré-escola até a 12ª série. Já o Department of Advanced Education, Skills and Labour busca garantir que a província tenha graduados e trabalhadores altamente qualificados para uma economia em rápido crescimento.

newfoundland and labrador 1
newfoundland and labrador 1

Imigração

Assim como as demais províncias, Newfoundland and Labrador também tem o seu próprio programa provincial, o Newfoundland and Labrador Provincial Nominee Program (NLPNP). Além disso, também é possível imigrar para a região através do  Atlantic Immigration Pilot (AIP), programa lançado em 2017, destinado a atender as necessidades do mercado de trabalho nas quatro províncias do Atlântico.

Você quer morar no Canadá? Então entre em contato conosco, nós podemos te ajudar!  Mande um e-mail para contact@immi-canada.com e saiba mais como funcionam os nossos serviços no site: https://www.immi-canada.com/consultoria-de-imigracao-para-canada/

Maria Augusta Brandt

Desde a última terça-feira, 03 de dezembro, a biometria passou a ser obrigatória também para quem já está no Canadá e deseja aplicar para vistos de turismo, estudo  e trabalho (incluindo as suas extensões) e, também, para a residência permanente. Até essa data, a biometria só era obrigatória para a maioria dos vistos solicitados fora do Canadá. O procedimento é necessário, segundo o departamento de imigração, para fins de identificação e segurança no país. 

A boa notícia é que será possível realizar esta etapa em alguns dos 58 centros do Service Canada. Confira os locais aqui e atente-se ao fato de que é necessário fazer agendamento prévio. Aqueles que já são cidadãos canadenses e residentes permanentes, não precisam fornecer os dados biométricos.

O valor para a taxa da identificação biométrica é de CAD$ 85 dólares canadenses para uma pessoa e CAD$ 170 para famílias onde exista a relação de dependentes do aplicante principal.

biometria-canada

Segundo recém-anunciado ministro de imigração canadense, Marco Mendicino, “expandir a biometria aumentará a eficiência e a integridade do sistema de imigração do Canadá". 

*Saiba mais sobre a biometria para brasileiros que ainda não estão no Canadá: https://www.immi-canada.com/vistos-canada-biometria-brasileiros/.

Você quer aplicar para um processo temporário ou permanente? A Immi Canada te auxilia em todo o processo! Mande um email para contact@immi-canada.com e saiba mais como funcionam os nossos serviços no site: https://www.immi-canada.com/consultoria-de-imigracao-para-canada/.

Fonte:

https://www.canada.ca/en/immigration-refugees-citizenship/campaigns/biometrics/facts.html

Maria Augusta Brandt

New Brunswick é uma região do leste do Canadá, sendo considerada uma das províncias marítimas da região, fazendo parte dos quatro territórios chamados de Províncias do Atlântico. Tendo sua capital como Fredericton, a população total que habita suas fronteiras não chega a um milhão de habitantes, ficando próximo dos 780 mil, segundo o último censo do Canadá realizado no início deste ano (2019) pelo Statistics Canada.

Além de ser circundada pelo Atlântico, a província possui vários rios, florestas de pinheiros, montanhas e a famosa baía de Fundy, que é conhecida por suas marés extremas e pela presença frequente de baleias, o que pode ser uma ótima pedida para os aventureiros que desejam ver o animal de perto em seu habitat natural.

A maior cidade é Moncton, porém, o território possui cerca de 70 mil quilômetros quadrados. Destes, 80% é composto de florestas e somente 20% é habitado ou destinado à agricultura. Uma curiosidade é que New Brunswick é a única província oficialmente bilíngue do país,  com um percentual muito grande se sua população que fala inglês e francês.

new brunswick

*Quer morar no Canadá? A Immi pode te ajudar com todo o processo! Entre em contato pelo email contact@immi-canada.com e acesse https://www.immi-canada.com/consulta/.

Clima

O clima da localidade é mais severo do que o das outras províncias do Atlântico, que são mais baixas no quesito altitude. Nova Brunswick tem, na maior parte de seu território, um clima continental úmido de verão fresco, com invernos levemente mais amenos na costa do Golfo de São Lourenço. Partes elevadas do extremo norte da província têm um clima subártico.

Para quem pretende morar na região, é importante saber que o verão é morno e úmido, sendo o inverno rigoroso. Durante o ano inteiro existe um grande volume de chuvas e a localidade não é muito amiga do sol, tendo como característica mais dias de céu encoberto. Ao longo do ano, em geral, a temperatura varia de -4 °C a 30 °C e raramente é inferior a -12 °C ou superior a 35 °C.

Para quem quer aproveitar as atividades ao ar livre e o calor, o ideal é ir visitar entre os meses de julho e setembro. New Brunswick também tem degelos mais frequentes no inverno, sendo que o nível do mar está cerca de 30 cm mais alto do que há 100 anos e espera-se que aumente novamente para o dobro em 2100.

new brunswick

*Saiba mais sobre as quatro estações do ano clicando aqui.

Atrações

Com certeza a província é um atrativo para quem gosta de atividades ao ar livre, as mais praticadas no verão, como trilhas, escaladas, piqueniques e, ainda, as que dependem da água, como canoa e caiaque, são destaques. Além disso, para quem quer se aventurar em esportes de inverno, opções e locais não faltam e vão desde o sliding (espécie de prancha que é usada para descer as montanhas com neve), fazer um boneco de neve, esqui, patinação no gelo em lagos congelados até o snowshoeing

Ademais, existem diversos festivais e atividades em cada uma das cidades. Como sempre mencionamos por aqui, é importante ficar atento ao site de onde você mora ou o local que irá visitar, para conferir a programação na época. O destaque da região, com certeza, é a Baía de Fundy, que banha as províncias canadenses de New Brunswick e Nova Scotia, e um pedaço do estado americano de Maine. Ela é conhecida por apresentar a maré mais alta (ou profunda) do mundo. Esse fenômeno pode ser presenciado em vários lugares da baía, mas a parte mais famosa fica em New Brunswick: a cada 6 horas, a maré retrocede mais de 14 metros de altura, sendo que seu recorde foi 17 metros .

fundy bay canada

Confira a lista que preparamos com as principais atrações da região:

fundy bay canada

Educação

A maioria das creches começa a aceitar crianças entre os dois e três meses de idade. O daycare ou preeschool são as creches tradicionais e os profissionais que atuam nessas entidades possuem formação adquirida através de um curso técnico de dois anos. Já o home daycare é uma creche dentro de uma casa particular. Elas são geralmente bilíngues e os pais podem optar pela língua em que a criança será alfabetizada, embora ela também aprenderá de qualquer forma o segundo idioma nos anos seguintes. 

Os daycares não são gratuitos, porém a criança que completar cinco anos até o dia 31 de dezembro do ano em que será matriculada, já pode iniciar a vida escolar e frequentar as escolas públicas. O sistema de educação vai do kindergarten ao 12º ano. Existe um sistema de escolas inglesas e francesas, os pais podem optar por qual lhe agrada mais.

Com relação à universidades e colleges, assim como as outras províncias canadenses, New Brunswick possui diversas opções. Claro que, por ser menos povoada, elas não são tão variadas como em Ontario ou British Columbia. As públicas são quatro: St. Thomas University, Université de Moncton, University of New Brunswick e Mount Allison University. Existe toda a estrutura e instrução para alunos internacionais e diversos programas que são oferecidos aos estrangeiros também nos colleges do território. Para conferir as outras instituições e programas clique neste link.

estudar-no-canada

Arte, cultura e gastronomia

O centro cultural da província é a cidade de Fredericton com a Galeria de Arte Beaverbrook, a melhor pinacoteca da região do Atlântico, fundada em 1959. Em suas salas encontram-se obras de pintores canadenses como o “Grupo dos Sete” e Emily, além de artistas europeus como Tiziano, Ribera e Boticelli.

Em St. John, outro centro urbano da localidade, o centro da cidade foi remodelado e os turistas podem visitar a Market Square, com o mercado mais antigo de todo o país, em forma de barco, pois seu interior foi construído com a carcaça do casco de uma antiga embarcação. Em seu interior, encontram-se comércios do século passado como a Loja Geral de Barboor’s, além de lojas de antiguidades e, nos arredores, diversos restaurantes e cafés. Ademais, a  Water Street é conhecida como a rua mais velha do continente por ter sido usada como trilha por índios e colonizadores, e é onde ficam localizadas a maioria das atrações de St. John.

New brunswick

*O Canadá possui uma série de comidas típicas! Confira quais são elas clicando aqui.

Imigração

Assim como as outras localidades do Canadá, News Brunswick também possui o seu programa de imigração, o New Brunswick Provincial Nominee Program (NBPNP). Como ela faz parte das províncias do Atlântico, o Atlantic Immigration Pilot também é aplicável para quem deseja morar no território.

Além disso, no ano passado, as regiões do Atlântico divulgaram medidas e novas modalidades de imigração para reter estudantes internacionais que concluem um programa de estudos em suas fronteiras. Saiba mais clicando aqui.

Por fim, New Brunswick também possui um stream de imigração que passa pelo Express Entry, uma diferente modalidade para trabalhadores qualificados e também para empreendedores.

*Veja o site oficial da região e saiba mais: https://www.welcomenb.ca/content/wel-bien/en.html.

Você quer morar no Canadá? Então entre em contato conosco, nós podemos te ajudar!  Mande um e-mail para contact@immi-canada.com e saiba mais como funcionam os nossos serviços no site: https://www.immi-canada.com/consultoria-de-imigracao-para-canada/.

Fabíola Cottet

O primeiro-ministro Justin Trudeau nomeou, na última semana, Marco Mendicino como o próximo ministro do Immigration, Refugees and Citizenship Canada. Descendente de imigrantes italianos, o novo ministro da imigração possui ampla experiência em Direito e atuou por quase 10 anos como procurador federal. 

Agora, será responsabilidade de Mendicino defender as políticas de imigração propostas pelo Liberal Party of Canada durante a recente campanha eleitoral, que são: avançar com aumentos modestos e responsáveis da imigração, concentrando-se em acolher imigrantes altamente qualificados; lançar o Municipal Nominee Program (MNP); tornar permanente o programa Atlantic Immigration Pilot; e tornar gratuita para os residentes permanentes a aplicação para a cidadania canadense. 

Saiba mais sobre as propostas eleitorais de Justin Trudeau aqui.

O Liberal Party of Canada venceu a eleição federal com um governo minoritário. Isso significa que precisarão contar com os votos da oposição para colocar em prática suas promessas. 

ministro-de-imigracao

Desde 2015 – ano em que o partido assumiu -, o governo vivenciou um aumento dramático no número de Invitations to Apply (ITA’s), emitidos pelo EE: de 33.782 em 2016, para 86.023 em 2017 e 89.800 em 2018. Os liberais também realizaram outras mudanças no sistema de imigração, como a redução do tempo para a cidadania canadense, a concessão de pontos adicionais no EE para quem conclui um curso de um ano ou mais no país e a redução da pontuação no EE para os que tem uma oferta de emprego. 

Com a meta de, até 2021, chegar a 350 mil novos residentes permanentes por ano, elevar o número de imigrantes sempre foi - e deve continuar sendo - um dos principais focos de Justin Trudeau, impulsionando assim o crescimento da população.

A Immi Canada te auxilia em todo o processo de imigração, seja via Express Entry ou via um programa provincial. Mande um email para contact@immi-canada.com e saiba mais como funcionam os nossos serviços no site: https://www.immi-canada.com/consultoria-de-imigracao-para-canada/.

Fontes:

https://www.cbc.ca/news/politics/meet-seven-new-faces-justin-trudeau-cabinet-1.5366627

https://www.canada.ca/en/immigration-refugees-citizenship/corporate/minister.html

https://election.ctvnews.ca/liberals-promise-billions-in-new-spending-in-2019-election-platform-1.4615849

https://www.reuters.com/article/us-canada-politics/canadian-businesses-have-a-message-ahead-of-the-election-we-need-foreign-workers-idUSKCN1TR2GM

Maria Augusta Brandt

Quebec é a maior província canadense em extensão territorial e a segunda maior em população - com cerca de 8 milhões de habitantes, perdendo apenas para Ontario (saiba mais sobre Ontario aqui). A capital desta província é a Cidade de Quebec, uma das principais cidades da região, junto com Montreal - que abriga mais de 3 milhões de pessoas e possui a maior concentração populacional da província.

O nome de Quebec tem origem na língua indígena algonquina: “kébec” significa onde “onde o rio se estreita” - em referência à região da Cidade de Quebec, onde o rio São Lourenço se estreita em um caminho cheio de pedras. Uma das principais características dessa província é que ela é a única em que a população é predominantemente francófona e o francês é a única língua oficial a nível provincial. 

*Quer morar no Canadá? A Immi pode te ajudar com todo o processo! Entre em contato pelo email contact@immi-canada.com e acesse https://www.immi-canada.com/consulta/.

O território de Quebec é delimitado, a oeste, por Ontario e pelas baías de James e de Hudson. Ao norte, tem o Estreito de Hudson e a Baía de Ungava e, a leste, estão o Golfo de São Lourenço e a província de Terra Nova e Labrador. Finalmente, ao sul, Quebec faz divisa com a província de Nova Brunswick e fronteira com os estados americanos do Maine, Nova Hampshire, Vermont e Nova Iorque. A província também compartilha fronteiras marítimas com Nunavut, Prince Edward Island e Nova Escócia. 

quebec-provincias-canada

Clima

Mesmo nos meses de verão, as temperaturas não são tão altas em Quebec e o inverno é bastante frio. Nesta estação, as temperaturas podem chegar a -20°C em janeiro e neva muito. Já no verão, os termômetros raramente ultrapassam 20°C. O ponto alto da estação é que anoitece tarde e os dias são bem longos, permitindo fazer diversas atividades. A estação mais quente do ano também é a mais úmida e, por isso, chove bastante neste período. 

*Saiba mais sobre as quatro estações do ano clicando aqui.

quebec-provincias-canada

Atrações

Quebec tem opções para todos os gostos e tipos de turismo. E, como em boa parte do Canadá, tem belíssimas paisagens naturais e passeios em meio à natureza. No inverno, a província de clima bastante frio também é uma ótima opção para os amantes dos esportes típicos desta estação. Além disso, também há excelentes opções para os turistas mais urbanos, nas principais cidades de Quebec. 

Para quem curte História, um destino imperdível é o Fairmont Le Château Frontenac, um dos principais símbolos da Cidade de Quebec, o local entrou para o Guinness Book como o hotel mais fotografado do mundo. Localizado entre as fortificações da cidade alta e com vista para o St Lawrance River, ele tem mais de 600 quartos, estilo medieval e renascentista e mais de um século de história. 

Confira a lista que preparamos com as principais atrações da região:

atracoes-canada

Educação

Em Quebec, a pré-escola (prématernelle) é opcional e está disponível em áreas selecionadas da cidade para crianças que atingiram quatro anos de idade. O jardim de infância (maternelle) está disponível em toda a província para crianças que atingiram cinco anos de idade.

A educação primária (école primaire), equivalente ao nosso ensino fundamental, é obrigatória e vai da 1ª à 6ª série. Já a escola secundária (école secondaire) é equivalente ao nosso ensino médio e tem cinco séries. Neste período os estudantes têm entre 12 e 17 anos. 

A província de Quebec tem a instituição de ensino superior (pós-secundária) mais antiga do Canadá: a Universidade Laval foi fundada em 1663. Nesta província, o ensino superior difere do sistema educacional de outras províncias do Canadá. Após o ensino médio, em vez de ingressar na universidade ou na faculdade diretamente, os estudantes de Quebec deixam o ensino médio e ingressam em estudos pós-secundários no nível universitário como um pré-requisito para a universidade. Esse nível de ensino pós-secundário permite que os alunos escolham um caminho vocacional ou um caminho acadêmico. 

Ao todo, existem 18 universidades na província a maioria delas ensina em francês. Deste total, apenas três ensinam em inglês: Universidade Concórdia, Universidade McGill e Universidade Bishop's.  

imigracao quebec

Arte, cultura e gastronomia

As raízes culturais de Quebec estão fortemente ligadas aos imigrantes e à herança francesa da província. Além disso, a riqueza e a diversidade da região fazem com que cada uma das suas cidades tenha diversas atrações turísticas e culturais. 

São mais de 400 museus espalhados pela província, contando a história da região, do Canadá e com mostras que valorizam o patrimônio científico, tecnológico e cultural de Quebec. Também há uma série de rotas turísticas, visita a fazendas, festivais. Aliás, por falar em festivais, são mais de 500 realizados anualmente. Montreal, inclusive, tem a sua própria praça de festivais. Dentre os que mais se destacam, estão o Quebec Winter Carnival e o Festival Internacional de Jazz de Montreal.

A região também é berço de uma das principais comidas típicas do Canadá: o poutine. A iguaria é amplamente consumido e vendido em todo o país e, originalmente, é feito de batata frita com coalhada de queijo cheddar (ou somente queijo derretido), cobertos com um molho de carne, conhecido como gravy.

*O Canadá possui uma série de comidas típicas! Confira quais são elas clicando aqui.

Imigração

Quebec, assim como as demais províncias canadenses, também tem o seu próprio processo de imigração, com regras bastante específicas para cada caso. E uma das principais regras destes processos para Quebec é que o aplicante comprove proficiência na língua francesa. Detalhes a respeito dos programas vigentes podem ser obtidos no site oficial da província

Você quer morar no Canadá? Então entre em contato conosco, nós podemos te ajudar!  Mande um e-mail para contact@immi-canada.com e saiba mais como funcionam os nossos serviços no site: https://www.immi-canada.com/consultoria-de-imigracao-para-canada/

Maria Augusta Brandt

Saskatchewan faz parte das províncias canadenses das pradarias, com população total estimada em cerca de 1,2 milhão de habitantes. A região tem a cidade de Regina como capital e uma área total de quase 652 mil quilômetros quadrados, sem fronteiras litorâneas, o território possui cerca de 100 mil lagos.

Ela faz divisa com Alberta, Manitoba, Northwest Territories, Nunavut e estados americanos de Montana e Dakota do Norte. A maioria da população está concentrada no sul da província, sendo que o outro extremo é, em sua maior parte, florestado e pouco povoado. As principais cidades, que concentram o maior número de habitantes, são Regina, Saskatoon, Prince Albert, Moose Jaw, Yorkton, Swift Current, North Battleford e Llyodminster.

O nome é originário do rio homônimo, que foi batizado pelos antigos habitantes da tribo Cree, que significa “rio que corre velozmente”. Além disso, o território possui várias instituições de ensino, atrações ao longo do ano e o programa de imigração provincial Saskatchewan Immigration Nominee Program (SINP), que atrai diversos estrangeiros para a região. Confira nos tópicos abaixo mais informações e particularidades da província. 

saskatchewan

A economia de Saskatchewan é associada à agricultura, principalmente no que diz respeito ao cultivo de grãos como: canola, linho, centeio, aveia, ervilha, lentilha, semente de alpiste e cevada. A província é o maior exportadora mundial de sementes de mostarda. A mineração é uma indústria importante também, sendo que a região se destaca na venda de potássio e urânio.

*Quer morar no Canadá? A Immi pode te ajudar com todo o processo! Entre em contato pelo email contact@immi-canada.com e acesse https://www.immi-canada.com/consulta/.

Clima

Saskatchewan não possui litoral, por isso seu clima é extremamente continental, gerando invernos bastante rigorosos e grande amplitude térmica. As áreas do sul têm verões que variam de quentes a muito quentes. As cidades de Midale e Yellow Grass, perto da fronteira com os Estados Unidos, estão ligadas às temperaturas mais altas já registradas em todo o Canadá, com cerca de 45 °C em julho de 1937. No inverno, durante as ondas de frio extremo, temperaturas negativas em torno de −45 °C são possíveis, mesmo no sul da província.

Os viajantes podem esperar, em toda a região, verões quentes e invernos frios. Então, caso o destino seja Saskatchewan, os cuidados com o inverno rigoroso serão necessários: hidratação, roupas apropriadas e hidratantes para evitar o ressecamento da pele, além, claro, de não ficar em ambientes externos por muito tempo durante os frios mais intensos, que geralmente ocorrem em janeiro e fevereiro.

Uma curiosidade é que, na maioria das cidades de Saskatchewan, devido a abundância de rios e lagos por todo o território, as chuvas são frequentes, tornando mais fácil suportar os picos de altas e baixas temperaturas, tanto no inverno como no verão. Ademais, ela é o território mais ensolarado de todo o país.

provincias

*Saiba mais sobre as quatro estações do ano no Canadá clicando aqui.

Atrações

A província é popularmente conhecida, no Canadá, como a região dos 100 mil lagos. Então é natural que seus atrativos estejam, em sua maioria,  diretamente ligados aos rios e lagos, além de reservas naturais de tirar o fôlego. Outro tópico que ganha destaque é o turismo relacionado à agricultura.

Nos lagos o sol, que brilha na maior parte dos dias do ano, contribui, durante o verão, para a prática esportiva de canoagem, pesca, natação e diversas atividades repletas de natureza e ao ar livre. Além disso, as principais cidades possuem museus, monumentos históricos, bares, restaurantes, parques e até castelos, confira abaixo!

*Para ver toda a lista de parques nacionais da província, clique aqui. 

saskatchewan

Educação

No Canadá, a educação é responsabilidade de cada província e é uma característica nacional ter um sistema educacional muito bem desenvolvido - reconhecido como um dos melhores do mundo. Em Saskatchewan não é diferente. Na região existe o programa governamental do Prekindergarten, que é a educação infantil disponibilizada, em algumas escolas - atualmente 316 instituições no território oferecem -, para crianças entre 3 e 4 anos e, após isso, a criança está apta para frequentar o Kindergarten.

No último índice mundial da educação, realizado em 2015, o Canadá sempre ocupou as primeiras colocações, dado este que reflete, diretamente, no seu Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). Entre as regiões, Saskatchewan ocupa o oitavo lugar das províncias canadenses, com nota 0,861 de um máximo de um ponto, o que é considerado muito alto e pode ser comparada com o Reino Unido.

O território tem três principais universidades: University of Regina, University of Saskatoon e a First Nations University of Canada. Todas elas aceitam alunos internacionais em determinados programas e, além disso, existem diversos colleges com programas direcionados aos estrangeiros.

filhos

Arte, cultura e gastronomia

Além dos parques, atrações, belos edifícios e museus, as principais cidades da província contam com uma população multicultural. O que proporciona uma série de eventos e diversidade de programas sazonais em cada um dos municípios (fique atento ao site da cidade onde você mora).

Na capital e em Saskatoon, se destacam os espetáculos, patinação no gelo em tempos de inverno, festivais ligados à agricultura e às estações do ano, além dos restaurantes chineses, vietnamitas, italianos, indianos, asiáticos, coreanos e uma infinidade de outras opções gastronômicas, sem esquecer as tradicionais iguarias canadenses!

*O Canadá também possui uma série de comidas típicas! Confira quais são elas clicando aqui.

Imigração

O SINP, processo provincial de Saskatchewan, assim como qualquer outro programa de imigração das regiões canadenses, possui diversas subcategorias e requisitos detalhados para cada uma delas. Uma das divisões principais é a SINP International Skilled Worker Category, que faz parte das categorias de imigração econômica e busca imigrantes qualificados, de acordo com as necessidades da região, para morar e trabalhar dentro de suas fronteiras. Esta divisão possui três programas associados: Saskatchewan Express Entry, Occupation In-Demand e Employment Offer.

Cada uma das subdivisões possui requisitos distintos, mas basicamente se baseiam em educação, profissão e experiência de trabalho, idade, habilidades na língua inglesa e conexão com a região. Para a Employment Offer é necessário possuir uma oferta de trabalho de uma empresa qualificada na província para poder proceder com a aplicação.

imigracao canadense

Além dos caminhos citados acima, a localidade possibilita imigração para empreendedores, donos de fazendas e, ainda, para os que concluíram um programa de estudos dentro de seu território.

*Para saber tudo a respeito do SINP, clique aqui. Além disso, a Immi Canada auxilia em todo o processo de imigração provincial. Mande um email para contact@immi-canada.com e saiba mais como funcionam os nossos serviços no site: https://www.immi-canada.com/consultoria-de-imigracao-para-canada/.

Fabíola Cottet

Grupo 1
CONTATO
contact@immi-canada.com
VANCOUVER: +1 (604) 684-0530
TORONTO: +1 (647) 351-5800
Redes sociais
Caminho 139
cartmagnifier