Quem vem para o Canadá invariavelmente tem uma coisa bem clara na mente: o clima canadense é bem diferente do que está acostumado no Brasil. E essa ideia com certeza é verdadeira. O primeiro motivo é que, ao contrário do nosso país, estamos no extremo oposto no que diz respeito aos hemisférios, tanto que os canadenses costumam chamar o país de “True North”, ou o verdadeiro Norte do planeta.

Então, quando é verão no Brasil, é inverno no Canadá e vice-versa. Embora as terras brasileiras sejam tropicais, as estações climáticas não são tão características como em território canadense, onde o inverno sempre é branco, com muito frio e muita neve, no verão os termômetros podem atingir temperaturas de 40° graus e os parques e praças sempre estão cheios de gente praticando e aproveitando atividades ao ar livre.

Primavera

Primavera

Todas as estações do ano no Canadá são bastante características e particulares, sendo que cada uma tem sua beleza peculiar. Na primavera não é diferente, entre o final de março e o mês de junho há plantas florescendo em todos os lugares para onde se olha, em algumas cidades como Toronto, há uma predominância de tulipas entre as flores e os jardins são preparados e cuidados no início deste período, então sempre há uma grande variedade de plantas, adubos e insumos para jardins a venda nesta época.

No começo da primavera também é quando todo o gelo derrete dos rios e a neve dá lugar aos gramados secos que começam a transformar-se em paisagens verdes com flores. Além disso, o famoso Maple Syrup, essência doce extraída da Maple (o insumo é típico no Canadá, veja mais delícias gastronômicas do país no link https://www.immi-canada.com/culinaria-no-canada-20-comidas-tipicas/), começa o seu ciclo, pois somente na primavera é que a seiva pode ser extraída da árvore.

Primavera

A estação também é caracterizada pelo início dos campeonatos esportivos outdoor, como baseball, futebol, dentre outros. Os canadenses ficam, durante este período, mais tempo nas ruas e a grande maioria da população está mais animada, arrumando os jardins, preparando suas varandas e áreas externas da casa para os churrascos, as crianças tem mais tempo para brincar fora de casa e os parques começam a ganhar mais movimento.

Outra característica interessante da primavera é que os estabelecimentos que estavam fechados no inverno voltam a abrir e os horários de funcionamento das lojas são estendidos. É importante lembrar que, no começo da estação ainda pode fazer bastante frio e nevar, dependendo da cidade da qual estamos falando. Quanto mais ao Norte, mais frio vai ser. Em Toronto os termômetros variam entre 5° e 15° graus Celsius na primavera. Já em Vancouver a média de temperatura fica em 15° e em Quebec gira em torno de 7°C.

Também é nessa época que as ofertas de emprego aparecem em maior número. Bares, restaurantes, supermercados e todo o tipo de estabelecimento reforça sua equipe para a alta temporada, que é o fim da primavera, o verão e o começo do outono. Os festivais de rua também começam a ganhar espaço e as pessoas ficam mais tempo na rua, nas áreas externas dos bares e restaurantes.

Verão

O verão é a estação mais esperada e comemorada pela maioria dos canadenses, pois nela ocorrem os principais eventos culturais da cidade e as escolas ficam em férias de verão, que costumam ir da metade de junho até o meio de agosto. Para quem pensa que por aqui só faz frio, está enganado. Em Toronto, por exemplo, a temperatura pode chegar aos 43°C no pico do calor.

A época é marcada pelas roupas leves, atividades ao ar livre, prática de esportes, acampamentos, praias lotadas, sorveterias movimentadas, bares com seus pátios sempre repletos de gente, festivais e muitas atividades e programas para fazer o tempo todo. É considerada a alta temporada para turismo e para o comércio, que dura de maio até agosto e movimenta todas as cidades.

Nessa parte do ano os jardins e parques estão lindos, com flores e é uma ótima oportunidade para quem gosta de natureza aproveitar o que o Canadá pode oferecer na questão de trilhas, acampamentos, escaladas, esportes radicais, rafting, dentre outras modalidades. Além disso, no verão todos os estabelecimentos comerciais ficam abertos até tarde, possibilitando maior movimento da vida noturna.

Outra diferença marcante com relação ao Brasil é a duração dos dias. No meses de junho e julho, pontos altos do verão, o sol costuma desaparecer por volta de 21h e nascer às 5h, o que faz com que os dias sejam longos, animando ainda mais a população a curtir o clima. Um fato interessante é que os canadenses ficam muito mais alegres e espontâneos durante o verão. O sol e o calor parecem ter um efeito de alegria em todo o país.

Uma data bastante comemorada durante o verão é o Canada Day, dia em que é celebrado o aniversário do país, 01 de julho. Em todas as cidades há uma programação especial e queima de fogos durante a noite. Este ano a celebraçãoo será especial devido a comemoração de 150 anos do país (clique aqui para programação e ações do Canada 150).

Outono

Na opinião da maioria dos brasileiros que mora por aqui ou vem passar uma temporada no Canadá, o outono é a estação mais bonita e característica do país. Nessa época, as árvores dão um espetáculo a parte, com suas folhas ficando vermelhas, laranjas e depois amarelas, nesta ordem. A Maple Leaf, folha da árvore estampada na bandeira do país, é a folha mais vista pelo chão de algumas regiões durante o outono.

Caso o visitante não consiga vir ao Canadá no verão, o outono é a segunda estação mais indicada para apreciar as belezas das terras do hemisfério Norte sem precisar passar muito frio. As temperaturas médias, que variam de 5° a 15°C dependendo da cidade, permitem longas caminhadas nas ruas para apreciar a paisagem com avenidas cobertas de folhas que vão caindo das árvores.

O período vai de setembro a dezembro e, principalmente no início, tem uma programação turística e cultural bastante diversificada. Os parques, com sua abundância de natureza, oferecem um espetáculo visual incrível e impossível de se ver em terras tropicais como o Brasil.

Em Ottawa, por exemplo, os turistas podem aproveitar a Upper Canada Cranberries, que é uma fazenda de cranberries que oferece programação especial no outono, o Gatineau Park com paisagens e atividades na estação, a Mountain Ochards, que é uma espécie de rancho onde se pode colher maçãs e fazer passeios com carroça. Já em Toronto, um dos principais atrativos que chama a população e os turistas na época são os campeonatos esportivos, como hockey, basquete, football e os playoffs de baseball e soccer. Além disso, a cidade tem diversos atrativos, como as vinícolas de Niagara e a CN Tower.

Além do espetáculo da natureza, o outono é marcado no Canadá por ser a estação do Halloween e das pumpkins, ou abóboras. Há quem pense que o Dia das Bruxas só é comemorado nos Estados Unidos, esquecendo que outros países também mantém a tradição, como é o caso do Canadá. Em outubro as crianças saem nas ruas fantasiadas, as casas são enfeitadas e os comércios viram um show a parte, todos com muitas abóboras, além de enfeites macabros que ao mesmo tempo são divertidos, nas cores preto, laranja e roxo. Nessa época também tudo ganha mais um sabor nas padarias, mercados, cafés e confeitarias: o de abóbora. Aparecem todos os pratos e delícias que você possa imaginar feitas com os mais diversos tipos de abóboras, desde tortas do sabor até café aromatizados com pumpkins.

O outono também é a estação de preparação para o inverno, onde os jardins já não estão mais floridos e a vida noturna nas cidades começa a diminuir um pouco. Nesta época os canadenses já começam a checar a calefação de suas casas, comprar bota de neve e casacos para enfrentar o frio, ou tirar eles do armário, e providenciar pás para limpeza da neve em frente das casas e pequenas vassouras com espátulas para tirar  excesso de gelo dos carros.

Inverno

A opinião de muitos é contraditória a respeito desta estação do ano, mas é nela que os brasileiros encontram as maiores diferenças e também os grandes desafios para adaptação. Muitos canadenses não são fãs do inverno, mas existem aqueles que amam e esperam ansiosamente a época chegar para cobrir toda a paisagem com neve. Acreditem, poucas paisagens são mais lindas que ter muita neve nas ruas com o sol brilhando no céu.

O conselho para o inverno é: prepare-se. Se seu destino é uma cidade como Toronto, Montreal ou Vancouver, os períodos com temperaturas de -40° graus são comuns mas não são longos e nem contínuos. Mas se seu objetivo é Winnipeg, Calgary, Edmonton, ou alguma cidade mais ao Norte, você vai enfrentar invernos com bastante vento, muita neve e sensações térmicas de -45°C por um período mais longo.

O inverno canadense é rigoroso e é necessário tomar cuidados, embora frio mesmo só se sente em ambientes externos, pois é obrigatório que todas as residências, comércios, prédios e transportes públicos tenha calefação, pois sem ela não se vive no frio. Roupas adequadas precisam fazer parte do guarda-roupa, botas para neve, acessórios que protejam contra o vento e ajudem a aquecer, muitas bebidas quentes e, nos dias de tempestade de neve ou temperaturas muito negativas, evitar ao máximo sair de casa. Para ver todos os cuidados sobre como sobreviver no inverno canadense basta acessar o link: https://www.immi-canada.com/como-sobreviver-no-inverno-canadense/.

O ritmo diminui mas a vida não para na estação mais fria do ano. O país é adaptado e preparado para todas as temperaturas que enfrenta, então é possível sim ir a festivais de inverno, patinar no gelo ao ar livre, frequentar os restaurantes e cafeterias da cidade com cardápios especiais para o período, ver a queima de fogos ao ar livre na virada do ano e praticar todo o tipo de atividade esportiva que exija neve e/ou gelo. Os lugares costumam fechar um pouco mais cedo, porém é essencial também aproveitar a diversão que o frio proporciona: fazer um boneco de neve é algo quase impossível de ser realizado no Brasil.

Fabíola Cottet

Comentários Facebook
The following two tabs change content below.