Esta é a segunda parte do artigo que escrevemos: “Estudar no Canadá: respondendo 10 dúvidas frequentes – parte I”. Caso você tenha iniciado a leitura por aqui, recomendamos que clique neste link e inicie sua pesquisa com as cinco primeiras perguntas respondidas. Depois continue a leitura deste artigo.

Estudar em outro país, com uma língua diferente da sua, cultura e costumes diferentes dos seus, grades e horários diversos e dar um passo rumo ao desconhecido é algo enriquecedor, porém gera muitas dúvidas e questionamentos. Nesta época do ano a procura por cursos no Canadá aumenta bastante, pois os programas para estudantes internacionais no país têm início em três meses do ano: maio, janeiro e setembro.

Não se engane, não é muito cedo para iniciar seu processo se você está pretendendo ir estudar em setembro. Muitas instituições de ensino já estão com as matrículas abertas para este período e as vagas para estrangeiros costumam se esgotar rapidamente na maioria dos cursos que fornecem certificados ou diplomas, que são os casos de graduação e pós-graduação.

*Para saber mais sobre a LOA e o processo do Study Permit acesse o artigo que fizemos sobre os temas neste link.

Pensando em todas as dúvidas que surgem e no grande número de questionamentos que recebemos aqui na Immi Canada diariamente, elaboramos este artigo, dividido em duas partes, com as perguntas mais frequentes de quem planeja estudar no Canadá, com informações e dicas preciosas dos nossos consultores de imigração. Confira abaixo uma série de cinco perguntas frequentes que temos aqui.

estudar no canada

6 – E agora, com a exigência da biometria, como fica?

A partir do dia 31 de dezembro de 2018 o Canadá passou a exigir a biometria das Américas. Este procedimento foi implantado aos poucos e não é aplicado somente ao Brasil, mas também a diversos outros países. É necessário realizar a coleta biométrica para vistos de turismo, estudo e trabalho, além dos aplicantes da residência permanente que residem fora do território canadense (para aqueles que estão morando legalmente no país e querem renovar ou estender a estadia, o procedimento ainda não é obrigatório. Também não se aplicam os que têm direito ao eTA).

Todos os solicitantes com idade entre 14 e 79 anos devem fornecer as informações biométricas. No Brasil, a biometria será realizada através dos Centros de Solicitação de Vistos (VACs), presentes nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Recife e Porto Alegre (confira aqui o endereço completo de cada um). O pagamento da taxa da biometria deve ser feito no momento em que você aplica para o seu processo de visto, de forma online ou via postal. Caso a aplicação seja para um visto de estudo o aplicante que submeteu os documentos online e fez o pagamento corretamente, receberá um aviso com as instruções para a realização da coleta de dados biométricos, dentro de sua conta no site do IRCC. Este documento confirma que é necessário fazer o cadastramento biométrico e também diz onde o candidato deve ir para a coleta de dados, dentro de um prazo determinado. É recomendado que o aplicante verifique a necessidade de agendamento prévio junto ao VAC.

É importante ressaltar que o pagamento da taxa, o recolhimento dos dados e a submissão correta dos documentos não são garantias de que o visto será aprovado. O oficial de imigração avalia os documentos do candidato, sendo a biometria um fator obrigatório para a entrada no país. O cVAC exige que a carta enviada pela imigração canadense solicitando a biometria esteja com o requisitante no dia da visita para coletar as informações.

pos graduacao no canada

O valor para a taxa da identificação biométrica será de CAD$ 85 dólares canadenses para uma pessoa e CAD$ 170 para famílias ou processos com dois ou mais aplicantes. As informações biométricas de cada candidato valem por 10 anos.

*Leia o artigo completo que fizemos com as novas regras da exigência da coleta de dados biométricos clicando aqui.

7 – Posso trabalhar durante o pathway ou enquanto estudo inglês?

Não. Para alunos de cursos de idiomas, não é permitido trabalhar independentemente do tempo de curso. Por mais que o estudante vá cursar oito meses de um programa de inglês, por exemplo, ele não terá direito a trabalhar meio período.

Já o pathway nada mais é do que um curso de inglês ou francês que precede o college ou universidade. Para quem quer estudar no país, em um curso vocacional, de graduação ou pós-graduação, é necessário comprovar fluência na língua. Muitos não atingem o nível de proficiência exigido pela faculdade inicialmente e optam pelo pathway, que visa preparar os estudantes internacionais para ingressar nos cursos pós ensino médio no país. Nesta opção, o aluno deve atingir os requisitos do programa e os estipulados pelo curso escolhido.

Também nesta modalidade, o pathway, o estudante e o cônjuge não podem trabalhar enquanto o aplicante principal realiza o programa. Ambos só podem dar início a um trabalho quando se iniciam os estudos na instituição escolhida, no primeiro dia de aula.

8 – Preciso comprovar vínculos com o Brasil? Como faço isso?

Sim. Além da comprovação de renda você deverá comprovar vínculos com o país de origem, mesmo que sua intenção for, após os estudos, aplicar para a residência permanente ou estender sua estadia no Canadá. Esta parte tem um peso importante quando o oficial de imigração analisa a sua aplicação e decide pela aprovação ou negativa de visto. Eles desejam saber suas reais intenções, seus objetivos com o curso escolhido, datas de início e término, sua situação no Brasil, se está empregado, se já viajou para fora do país, se possui empresa, quais os benefícios do programa de estudos para sua carreira, etc.

Pensando nisso, é recomendável anexar alguns documentos: carta do empregador (se você estiver empregado e lhe foi concedida uma licença); uma carta sua de intenções, explicando o motivo de fazer determinado curso e quais são os benefícios futuros; se possuir empresa no Brasil, anexar um contrato social ou pró-labore; registro de bens imóveis também podem contar pontos e qualquer outro documento que demonstre que você tem vínculos com o Brasile fortes razões para retornar ao país após o seu programa de estudo no Canadá.

9 – Quanto custa e em quanto tempo o Study Permit fica pronto?

O processo de visto, por ser detalhado e meticuloso, é aconselhável que seja feito juntamente com um especialista no assunto. O pacote de documentos e aplicação devem estar muito bem embasados, para que as chances de ter uma negativa, que envolve transtornos de reaplicação e gastos a mais, sejam mínimas. Por isso a Immi Canada, juntamente com sua parceira educacional 3RA Intercâmbio, possuem toda a estrutura para lhe atender, acompanhar e assessorar durante todo o procedimento. Acesse www.immi-canada.com/visto-de-estudo-para-canada/ ou mande um email para contact@immi-canada.com e saiba mais informações.

A taxa do Consulado para todo o processamento do visto de estudos é de CAD$ 150,00 mais a taxa de biometria, de CAD$ 85,00 por pessoa ou CAD$ 170 por família de dois ou mais integrantes. O tempo varia de acordo com a demanda e o local onde será processada a aplicação. O aplicante pode consultar o tempo de processamento clicando aqui.

10 – Posso estender minha estadia após os estudos aplicando para um visto de trabalho?

Dependendo da instituição escolhida e das características do programa de estudo escolhido, sim, você tem direito de permanecer até três anos trabalhando em tempo integral com uma permissão chamada de Post Graduation Work Permit (PGWP). A duração desta permissão varia de acordo com o tempo de curso. É importante frisar que alunos de idiomas ou que fazem programas com uma duração menor do que oito meses não têm direito de aplicar para esta modalidade.

Para ser elegível, tanto o aluno quanto o estabelecimento de ensino devem cumprir alguns requisitos estipulados pelo departamento de imigração do governo federal. Para saber quais são eles e mais informações a respeito do PGWP, acesse este link.

Fonte: https://www.canada.ca/en/immigration-refugees-citizenship/services/study-canada/study-permit.html.

Fabíola Cottet

Comentários Facebook