Que o Canadá é um país multicultural, aberto à diversidade e à igualdade de gênero nós já sabemos. Mas você sabia que a igualdade de gênero tem avançado, também, nos programas de imigração do país? De acordo com o último relatório fornecido pelo Express Entry (EE) – o principal programa de imigração federal – cada vez mais as mulheres estão sendo as principais candidatas no EE.

Além disso, os números mostram que as pontuações das mulheres no Comprehensive Ranking System (CRS) – o score que ajuda a classificar os perfis dos candidatos no pool do EE – estão no mesmo nível ou, até mesmo, superando a pontuação dos homens. E, embora ainda haja mais perfis de candidatos do sexo masculino ao Express Entry, uma porcentagem crescente de mulheres está obtendo pontuações superiores a 350 e o número de mulheres com pontuações superiores a 400 aumentou 56% desde 2017. 

igualdade-generos

Outra conquista feminina é que, em 2018, 70% das mulheres no pool do EE receberam mais de 400 pontos no CRS, contra 67% dos candidatos do sexo masculino. Da mesma forma, o número de mulheres que tiveram scores superiores a 950 pontos também foi maior: 65 mulheres contra 55 homens. 

O número de Invitations to Apply (ITAs) emitidos para mulheres também é outro indicador muito importante do aumento da representação feminina em programas de imigração econômica. As mulheres receberam 37.322 convites, ou seja, 42% das 89.800 ITAs emitidas em 2018. 

Segundo o Immigration, Refugees and Citizenship Canada (IRCC), os vários avanços das mulheres no Express Entry refletem os dados recentes do órgão, que mostram que a porcentagem de mulheres admitidas no Canadá vem aumentando anualmente, desde 2015. 

igualdade-generos

A imigração para o Canadá é, muitas vezes, a realização do sonho de viver num país seguro, com saúde e educação de qualidades. Mas, para as mulheres imigrantes, viver em terras canadenses , sem dúvida, pode significar ainda mais. O Banco Mundial divulgou, no início deste ano, um estudo  no qual avaliou as leis e garantias oferecidas às mulheres em todos os países do mundo. O Canadá ocupou a oitava posição no ranking, com 97,5 pontos de um total de 100. O Brasil, no mesmo estudo, ficou na 68ª posição. 

Acesse o texto completo que fizemos sobre o Woman, Business and the Law 2019, divulgado pelo Banco  Mundial: https://www.immi-canada.com/canada-oitavo-melhor-para-mulheres/

Você quer viver no Canadá mas não sabe por onde começar? Entre em contato conosco! Acesse https://www.immi-canada.com ou mande um email para contact@immi-canada.com

Fonte: https://www.cicnews.com/2019/08/skilled-immigrants-canada-is-making-progress-toward-gender-equality-0812639.html#gs.wvgeuf.

Comentários Facebook